Prefeitura de Juína
WEB RADIO JUÍNA

NOTÍCIAS

VER TODAS

COMEÇARAM A CHEGAR OS TUBOS DE 1,50M PARA CONSTRUÇÃO DE ATERRO NO RIO PERDIDO, SAÍDA DA LINHA 5

Sábado, 27/04/2019 13:03
Mario Alvim

A Prefeitura de Juína através da Secretaria Municipal de Infraestrutura – SINFRA, vem implantando uma nova metodologia de trabalho que visa a melhoria na qualidade dos serviços prestados a população em especial os usuários dos mais de 3400 quilômetros de Estradas Rurais do município.

Dentro deste novo método de trabalho iniciado em Janeiro de 2019, está a construção de bueiros de concreto substituindo de maneira definitiva os bueiros de pau oco, que foram essenciais por muito tempo, mas que requer muita manutenção.

Outro problema que persiste a muito tempo são as constantes interdições da Linha 5 provocadas pelas cheias do Rio Perdido, tornando urgente uma solução definitiva para aquela localidade, desta forma, será construído naquele local quatro galerias com tubos de concreto de 1,50 metros de diâmetro por 12 metros de extensão com levantamento e compactação do trecho entre o asfalto do Módulo 5 até a ponte do Rio Perdido.

Serão utilizados 48 tubos, de duas toneladas cada, que já estão sendo construídos pela Fabrica de Tubos do município e, nesta sexta-feira dia 26 de abril, foram entregues os primeiros fabricados enquanto os demais estão em processo de fabricação e maturação do concreto.

O Secretário de Infraestrutura, Luis Braz de Lima, informou que a obra contará com todo processo de licenciamento ambiental e servira de protótipo para que no próximo ano possa ser realizado o mesmo processo na estrada de acesso ao Pesque e Pague e outras localidades que enfrente este tipo de problema.

O secretário destacou que todo o material a ser utilizado na construção deste aterro será retirado das ruas que serão pavimentadas e do rebaixamento do Morro do Sabão que fica bem próximo do local e, assim, resolverá dois problemas de uma vez.

“Cada serviço que se consegue fazer de forma definitiva permite que outros setores recebam melhor atenção e, desta forma, conseguiremos dinamizar os atendimentos e os recursos, melhorando a qualidade de vida da população em geral. Porque cuidar do campo e da cidade, é a nossa missão!” Concluiu Luis Braz.