Prefeitura de Juína
WEB RADIO JUÍNA

NOTÍCIAS

VER TODAS

Prefeito de Juina se reúne com governador eleito e cobra aumento no repasse para a saúde na região noroeste

Segunda-feira, 10/12/2018 15:27
Rosi Zimpel

Na última quarta-feira 05 de novembro, prefeitos representantes do Consórcio Intermunicipal de Saúde da região noroeste se reuniram com o governador eleito Mauro Mendes para discutir assuntos voltados a área da educação, infraestrutura, mas principalmente sobre a saúde que tem sido a maior dificuldade encontrada pelos gestores dos municípios da região.

A região noroeste é a que menos tem recebido repasses nesta área e por esse motivo foi exposta essa situação ao novo governador para que o mesmo possa olhar com mais atenção para esses municípios ao assumir o cargo a partir de 1 de janeiro de 2019.

Durante a reunião o prefeito de Juína Altir Peruzzo que é o atual presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde fez questão de frisar a sobrecarga do município em atender toda a região recebendo recursos bem abaixo de outros municípios.

Altir destacou ainda que o repasse mensal para Juína é de cerca de 300mil por mês para atender uma população de 160 mil habitantes referenciados na região enquanto os demais hospitais regionais recebem em média 3 milhões de reais para o atendimento de uma população de cerca de 70 mil habitantes.

Vale lembrar ainda que além desse repasse ser bem inferior em comparação as outras regiões do estado os atrasos nos repasses da saúde por parte do atual governo já ultrapassa 9 milhões de reais, sendo metade desse valor em atraso somente nesse ano de 2018.

Para o presidente há uma desconformidade na distribuição desses repasses ao passo que se for analisado o gasto do governo do estado com a saúde de cada habitante, a região noroeste recebe cerca de 2 reais por pessoa ao mês em média enquanto que todas as outras regiões recebem de 20 a 40 reais por habitante.

 Altir acredita que essa reunião foi extremamente proveitosa de modo que o novo governador já está ciente da situação da região noroeste e espera que ele possa resolver os atrasos desses repasses e principalmente rever os valores distribuídos para cada região do estado.